Busca rápida
digite título, autor, palavra-chave, ano ou isbn
 
Ciências sociais | História
 

indisponível  (R$ 74,00)
Avise-me quando disponível

         




 
Informações:
Site
site@editora34.com.br
Vendas
(11) 3811-6777

vendas@editora34.com.br
Assessoria de imprensa
imprensa@editora34.com.br
Atendimento ao professor
professor@editora34.com.br

O impeachment de Fernando Collor
Sociologia de uma crise

 

Brasilio Sallum Jr.

Coedição com o Programa de Pós-Graduação em Sociologia da FFLCH-USP

Prêmio ANPOCS 2016 de Melhor Obra Científica


424 p. - 14 x 21 cm
ISBN 978-85-7326-601-6
2015 - 1ª edição
Edição conforme o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa

Em 1989, Fernando Collor de Mello foi eleito presidente da República, com cerca de 35 milhões de votos. Três anos depois foi retirado do cargo por crime de responsabilidade. Como explicar essa virada dramática, em que o primeiro presidente eleito pelo povo depois do golpe militar de 1964 tornou-se o primeiro chefe de Estado destituído constitucionalmente na nossa história?
Já se tentou responder a esta questão identificando distintos fatores que podem ter causado o impeachment - corrupção, opinião pública, mobilização popular, personalidade do presidente, características das instituições políticas e outros. Este livro, ao invés de escolher um desses fatores ou uma combinação deles para explicar aquele evento, mostra como eles se articularam na dinâmica da luta política de atores individuais e coletivos. Assim, cada fator só ganha pleno significado como parte do processo de disputa entre os atores nas várias conjunturas, corriqueiras e de crise, em que participaram. A obra analisa sociologicamente o processo de impeachment respeitando seu caráter complexo e intrincado, reconstituindo as lutas políticas de então passo a passo, desde a posse de Collor em 1990 até o fim de seu governo. Mais ainda: examina tais lutas no contexto e como parte da transição brasileira para a democracia.


Sobre o autor
Brasilio Sallum Jr. nasceu em Porto Alegre, em 1946. Mudando-se para São Paulo, cursou Ciências Sociais na Universidade de São Paulo, onde fez seu doutorado (1979) e livre-docência (1995). Hoje é professor titular do Departamento de Sociologia da USP. É autor dos livros Capitalismo e cafeicultura: Oeste Paulista, 1888-1930 (Duas Cidades, 1982), Labirintos: dos generais à Nova República (Hucitec, 1996) e O impeachment de Fernando Collor: sociologia de uma crise (Editora 34, 2015), além de organizador da coletânea Brasil e Argentina hoje: política e economia (Edusc, 2004).


Veja também
A cidade no Brasil
Pobreza e cidadania
As revoluções utópicas dos anos 60
A revolução estudantil e a revolução política na Igreja

 


© Editora 34 Ltda. 2021   |   Rua Hungria, 592   Jardim Europa   CEP 01455-000   São Paulo - SP   Brasil   Tel (11) 3811-6777 Fax (11) 3811-6779