Busca rápida
digite título, autor, palavra-chave, ano ou isbn
 
Crítica, teoria literária e linguística
 


 R$ 53,00
         

        frete grátis  (saiba mais)

       




 
Informações:
Site
site@editora34.com.br
Vendas
(11) 3811-6777

vendas@editora34.com.br
Assessoria de imprensa
imprensa@editora34.com.br
Atendimento ao professor
professor@editora34.com.br

Itinerário de uma falsa vanguarda
Os dissidentes, a Semana de 22 e o Integralismo

 

Antonio Arnoni Prado

Prefácio de Sérgio Miceli

296 p. - 14 x 21 cm
ISBN 978-85-7326-442-5
2010 - 1ª edição
Edição conforme o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa

Reconhecido por estudos de primeira grandeza sobre Lima Barreto, o teatro e a cultura anarquistas no Brasil, e o percurso intelectual de Sérgio Buarque de Holanda, entre outros temas, o historiador e crítico de literatura Antonio Arnoni Prado realiza com este livro uma proeza admirável.
         Ao focar sua atenção sobre uma linhagem de obras e autores pouco analisados pela crítica - com destaque para a produção excêntrica e contraditória de Elísio de Carvalho (1880-1925) -, o autor amplia a compreensão dos nexos entre literatura e política no período crucial que se estende da proclamação da República à maturação do Modernismo.
         História cultural densa e crítica literária das mais finas, Itinerário de uma falsa vanguarda mapeia, sem nenhum esquematismo, as várias vertentes estéticas que confluiriam para os acontecimentos da Semana de Arte Moderna de 1922, bem como para as tomadas de posição ideológica que viriam à tona na década de 1930.
aolp          


Sobre o autor
Antonio Arnoni Prado nasceu em São Paulo, em 1943. É mestre (1975) e doutor (1980) pela FFLCH-USP, com pós-doutorado na Fondazione Feltrinelli, de Milão (1986). Desde 1979 leciona no Departamento de Teoria Literária da Unicamp, onde é professor titular. Entre outros trabalhos seus incluem-se a edição da crítica literária dispersa de Sérgio Buarque de Holanda nos dois volumes de O espírito e a letra (Companhia das Letras, 1996) e a publicação de uma coletânea de ensaios críticos reunidos em Trincheira, palco e letras (Cosac Naify, 2004). Publicado pela Editora 34 em 2010, em sua forma integral, o livro Itinerário de uma falsa vanguarda: os dissidentes, a Semana de 22 e o Integralismo recebeu nesse mesmo ano o Prêmio Mário de Andrade de ensaio literário da Fundação Biblioteca Nacional. Em 2012 lançou, pela mesma editora, Lima Barreto: uma autobiografia literária.


Veja também
1930: a crítica e o Modernismo
O tupi e o alaúde
Uma interpretação de Macunaíma
A dimensão da noite
e outros ensaios
Organização de Antonio Arnoni Prado

 


© Editora 34 Ltda. 2017   |   Rua Hungria, 592   Jardim Europa   CEP 01455-000   São Paulo - SP   Brasil   Tel (11) 3811-6777 Fax (11) 3811-6779